Criando uma Máquina Virtual com o VirtualBox

No post como baixar, instalar e configurar o VMWare Server nós demos início à prática e emulação de sistemas operacionais dentro de máquinas virtuais.

Entre as várias opções existentes trabalharemos hoje com o VirtualBox, que em minha opinião, é um dos melhores para essa finalidade.

Um dos grandes fatores que facilitam essa opção é pela compatibilidade com várias distribuições linux e sistemas da Microsoft, tando de 32 bits quanto de 64 bits.

Se você é um daqueles que adora testar as novidades em sistemas operacionais, ou gosta de criar tutoriais mas prefere não mexer no sistema que já tem instalado, então essa é uma ferramenta indispensável.

Baixando e instalando o VirtualBox


1- Baixe a última versão do VirtualBox clicando neste link

2- Após baixar o arquivo, dê um duplo clique para executar o programa.
  • Prossiga com a instalação clicando em Next > Next > Next > Yes > Install

  • Aguarde a instalação terminar e clique em Finish

Criando uma Máquina Virtual


1- Clique em Nova para criar uma Máquina Virtual. Será aberto o Assistente de criação de Máquina Virtual, conforme imagem abaixo:


2- Clique em Próximo para continuar.

3- Na tela seguinte, dê uma nome para sua Máquina Virtual e selecione o Sistema Operacional que será instalado.

4- O próximo passo é definir a quantidade de memória que será alocada para a MV. É importante definir a quantidade correta de memória para o sistema instalado funcionar bem. Para Windows XP eu recomendo deixar no mínimo 512MB de memória, enquanto para o Windows 7 recomendo um mínimo de 1GB ou mais. Portando, não adianta querer instalar o Windows 7 numa Máquina Virtual se seu computador tem apenas 1 GB de memória RAM.

5- Vamos agora criar um Disco Rígido Virtual. Clique em Próximo > Selecione VHD (Virtual Hard Disk) > Próximo > deixe como Dinamicamente Alocado > Próximo > defina o local onde será criada a Máquina Virtual (no meu exemplo deixei na pasta padrão) e o tamanho do seu VHD.

6- Clique em Criar para criar sua MV.

Alterando as configurações da Máquina Virtual


Se você quiser alterar qualquer uma das configurações que foram feitas durante a criação da sua MV, basta apenas selecionar a MV que quer alterar e clicar em Configurações conforme imagem abaixo.


Iniciando a Máquina Virtual e a instalação do Sistema


1- Coloque o CD/DVD do sistema a ser instalado no drive de CD/DVD do seu computador e clique em Iniciar para iniciarmos a instalação.

2- Será apresentado o Assistente de Primeira Execução! Clique em Próximo para continuar.


3- O próximo passo é definir se você fará a instalação através de uma unidade de CD/DVD ou uma imagem ISO ou CDR. Por padrão o programa seleciona o drive do seu computador, mas se optar por fazer a instalação através de uma imagem basta clicar na “pastinha” no campo Mídia de origem e procurar a imagem no computador.

4- Para finalizar clique em Próximo > Iniciar para começar a instalação do seu sistema.

5- Proceda normalmente com a instalação de seu Sistema Operacional.

O modo de se trabalhar com esse programa é extremamente simples se comparado ao VMWare Server que já tratamos aqui no blog.

Agora você tem mais uma valiosa ferramenta para usar no seu computador.

Gostou? Compartilhe!
Compartilhe no Google Plus

4 comentários:

  1. voce fala em quantidade de memoria ram. E quanto ao processador?
    Pergunto isto, pois criei uma maquina virtual com ubuntu 12.10 com o virtualbox e demora muito tempo para abrir ubuntu.
    Tenho um notebook petium dual core 2,2 e 4gb de ram
    Obs: quando executo a a maquina virtual o processador nunca chega 100%

    ResponderExcluir
  2. Caro Zeca, em uma Máquina Virtual todo o Sistema (PM, processador, memórias, HD's, etc) é importante. No Virtal Box, é possível se trabalhar com 1 ou mais processadores. Por exemplo: seu computador é um Dual Core, correto? Então você pode usar 1 ou os 2 núcleos do processador. Para isso basta selecionar a máquina virtual e com o botão direito do mouse ir em configurações. Na aba processador você encontra essa opção que lhe falei.

    Quanto a lentidão ao carregar o Ubuntu fica difícil de te responder o que pode estar acontecendo. Mas eu fiz um teste aqui no meu computador, que também é um Dual Core com 4GB de memória RAM DDR3.

    A versão do UBUNTU é a mesma que você utilizou a 12.10.

    Todo o processo de instalação, incluída todas as atualizações levou 63 min. O Carregamento levou cerca de 1,40 min. Normal para uma máquina virtual.

    As configurações do virtual box que utilizei para a instalação foram:

    1582 MB de RAM
    VDI (Virtual Boot Disk Image
    Dinamicamente alocado
    16GB de espaço e disco

    Zeca, considere também que seu computador esteja livre de vírus, se precisa de desfragmentação, se o antivírus não está atrapalhando, se seu HD nã está lento, etc...

    Muitos fatores podem alterar o desempenho.

    Fica a dica.

    Abraço

    Rodrigo Nascimento

    ResponderExcluir
  3. TEM COMO FAZER COM 1G DE MEMORIA ABRAÇOS

    ResponderExcluir
  4. Rodrigo
    Obrigado, segui seu post e tudo funcionou perfeitamente. Meu computador é um "All In One" da CCE com Windows 10. Aloquei 10 GB de memória em disco. Carreguei o Windows XP e estou rodando programas antigos que o Windows 10 refuga!

    ResponderExcluir